CONHEÇA O TONY STARK DA VIDA REAL E SUAS INCRÍVEIS ARMADURAS


06 | MAI | 2013

SAIBA MAIS SOBRE O HOMEM QUE HÁ ANOS TENTA DESENVOLVER A ARMADURA PERFEITA PARA LUTAR CONTRA FOGO, TIROS E PRINCIPALMENTE ATAQUES DE URSO.

Após sobreviver ao ataque de um urso em 1984, Troy Hurtubise, nascido no Canadá em 63 se tornou obsessivo por formas de se proteger dessas temíveis criaturas.

troy hurtubise mark vi

Sua epifania aconteceu no final de 1987, logo após assistir ao filme Robocop. Era isso que ele precisava: Uma armadura que pudesse sofrer ataques de ursos e continuar intacta! Sete anos e 150.000 dólares depois ele testava em público sua mais poderosa armadura, batizada de Mark VI, que era realmente tão feia quanto a primeira armadura desenvolvida por Tony Stark, nosso Homem de Ferro.

troy hurtubise mark viObviamente a armadura virou motivo de piada, e todos os testes contra ursos selvagens falharam, não exatamente pela resistência da armadura - ela se mostrou mais eficiente do que previsto - mas porque os ursos, apesar de atacarem humanos, fugiam da armadura desesperadamente. Em sua trajetória e evolução, as armaduras Mark nunca chegaram a confrontar um urso de verdade, mas foram testadas contra pauladas, tacos de baseball, machadadas e até mesmo um atropelamento - sobreviveram a todas e Troy chegou a ser convidado para o programa  "acredite se quiser" pelo feito.

De lá para cá ele - assim como o Sr. Stark - desenvolveu várias outras armaduras, com os mais diversos objetivos, até sua última invenção - batizada de Trojan - criada para o exército.

troy hurtubise torjanA armadura protege 97% do corpo contra tiros ou facadas e garante 95% da mobilidade. Possui duas pistolas que ficam presas magneticamente à ela, facas presas a seus pulsos para combate corporal e spray de pimenta para situações de emergência.

O capacete possui exaustores e ventiladores para manter o soldado em uma temperatura fresca mesmo em meio a lugares quentes ou em incêndios. O capacete também possui um disparador laser - daqueles que marcam um alvo para disparos pesados -, um rádio que se ativa por comando de voz e - para tudo ficar mais legal - um sistema de mudança de voz para que você fale como o Darth Vader.

Fora isso ela tem um GPS em forma de cápsula que pode ser engolida se o soldado for capturado e utilizada para localizá-lo, uma caixa preta para registrar as últimas palavras do soldado - se é que é possível morrer usando a Trojan -, de sua perna direita pode sair um pequeno robô movido por controle remoto e embaixo de um dos pés há uma pá escondida.

Segundo Troy, se a armadura fosse produzida em larga escala custaria apenas 2000 dólares canadenses cada.

Abaixo alguns vídeos da trajetória de Troy e de sua Trojan, que é provavelmente a coisa mais próxima ao Homem de Ferro no mundo real que você vai ver nos próximos anos!

A trajetória das armaduras

O lançamento da Trojan!

troy trojan


       




REDES SOCIAIS

FACEBOOK
TWITTER